7 Benefícios surpreendentes do óleo de rícino para cabelo e pele

By Maqquiando. com - sábado, julho 08, 2017

Quando criança brincava muito com a mamona, nem imaginava que o óleo extraído da semente dessa planta faria tão bem para o cabelo e pele.  Fortalecer os fios e combater acne são apenas alguns desses benefícios.  

O que é o óleo de rícino?

O óleo de rícino é extraído da Ricinus communis, conhecida popularmente como mamona. Ele tem propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas e tradicionalmente tem sido usado topicamente na pele e cabelo. Já é possível encontrá-lo na composição de produtos de beleza com o nome "castor oil".

Benefícios do óleo de rícino para a pele

Quando se trata de cuidados com a pele, o óleo de rícino possui muitos benefícios. Veja quais os melhores:

1. Cicatrização
A ação cicatrizante  do óleo de rícino é potente devido a presença de vitamina E em sua composição. Sabe aquelas estrias que ainda estão avermelhadas? Ele pode ser um bom aliado nesse aspecto. Você também pode usar o óleo de rícino como cosmético, principalmente após queimaduras solares. Lembre-se de não aplicar o óleo diretamente sobre a queimadura, misture-o com algum creme.

2. Combate sinais de envelhecimento 
Outro beneficio do óleo de rícino é que, quando usado topicamente retarda o envelhecimento. Quando aplicado na pele, ele penetra profundamente e estimula a produção de colágeno e elastina, o que ajuda a hidratar e suavizar a pele. Isso atrasa o aparecimento de linha finas e rugas.

3. Combate a acne
Quem tem pele propensa a acne tende a "correr" da maioria dos óleos, pois eles costumam tapar os poros e agravar o problema. Mas, com o óleo de rícino é diferente, já que ele é pouco comedogênico(saiba o que é isso aqui). Além disso, o óleo de rícino é rico em ácido ricinoleico, que combate o as bactérias causadoras de acne.

4. Hidrata a pele
O óleo de rícino é um hidratante natural ótimo. Os ácidos graxos altamente concentrados penetram na pele com facilidade restaurando a hidratação. Inclusive a indústria de cosmético usa muito esse óleo na composição de produtos com essa finalidade. 

Benefícios do óleo de rícino para o cabelo

Os benefícios para os cabelos proporcionados pelo óleo de rícino são inúmeros. Ele não apenas promove fios saudáveis, mas também trata várias outras condições do cabelo. 

5. Hidrata os fios
As propriedades umectantes do óleo de rícino ajudam a impedir perda de água do fio para o ambiente. Isso auxilia na hidratação dos cabelos ressecados.

6. Promove o crescimento dos cabelos
O óleo de rícino possui ácidos graxo como, ômega 6 e ômega 9, que são responsáveis por cabelos saudáveis. Além disso, o óleo aumenta a circulação sanguínea nos folículos, levando a um crescimento mais rápido. Ele também reduz pontas duplas e controla a queda do cabelo. 

7. Combate a caspa
O óleo de rícino é antibacteriano e antifúngico. Por isso ele limpa o couro cabeludo e ajuda a combater a caspa, que comumente é causada por fungos. Como ele evita o ressecamento dos fios a descamação do couro cabeludo tende a diminuir. 

Como usar o óleo de rícino na pele e no cabelo

Agora que já conhecemos alguns dos inúmeros benefícios do óleo de rícino podemos aprender como usá-lo.  

O óleo de rícino é bem espesso, por isso não recomendado usá-lo puro. Nos fios use uma colher de sopa de óleo para 200 ml de condicionador ou hidratante. Aplique essa mistura nos cabelos lavados com shampoo. Deixe agir por 20 minutos. Depois lave bem os fios.

Para pontas duplas mistura 1 colher de óleo de rícino e duas de óleo de coco. Aplique apenas nas pontas e deixe agir por 2 horas. Em seguida lave os cabelos normalmente. 

Para uso na pele misture uma colher de sopa de óleo para cada 200 ml de creme hidratante. Aplique normalmente no local desejado. 

Atenção!
O óleo de rícino é considerado como seguro e efetivo, mas alguém pode vir a ter alergia. Por iss, faça o teste antes de usá-lo. Passe um pouco do óleo no braço e deixe agir durante a noite. Se não acontecer nada, tudo bem.  Porém, se aparece erupção ou vermelhidão, você pode ser alérgico. Na dúvida consulte um dermatologista.

Espero que tenham gostado do post.
Beijo 😘

  • Compartilhar:

Você pode gostar também

0 comentários

Obrigada por comentar !